728x90 (1)

AGRONEGÓCIO

Empresários do Rio de Janeiro visitam a Famato

Publicados

em

Um grupo de empresários do Rio de Janeiro esteve em Mato Grosso para conhecer as potencialidades econômicas do estado e passaram a manhã de quinta-feira (21/10) na sede da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado Mato Grosso (Famato). Na oportunidade, foram feitas apresentações sobre dados do agro mato-grossense e o funcionamento de todo o sistema sindical rural. Eles saíram surpreendidos com as informações.

O grupo faz parte da comunidade de liderança YOP (Young Presidents Organization), formado por empresários dos setores de finanças, hotelaria, consultorias, seguros, construtora e agropecuária de várias partes do Brasil. A YOP é uma comunidade de liderança global de executivos-chefes movidos pela crença compartilhada de que o mundo precisa de líderes melhores. O grupo se reúne para formar líderes e pessoas melhores. A organização foi fundada em 1950 e atualmente está em 142 países, segundo informações do site oficial.

Mensalmente, os empresários se encontram para uma viagem de conhecimento. Desta vez, escolheram o Sistema Famato, em Cuiabá, para conhecer a produção agrícola e pecuária de Mato Grosso e a evolução do setor na economia nacional. O presidente, Normando Corral, fez a apresentação institucional do sistema que é formado pela Famato, Serviço Nacional de aprendizagem Rural (Senar-MT), Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) e Sindicatos Rurais e a finalidade de cada um.

Leia Também:  Ministério da Saúde: vacinação poderá começar em 20 de janeiro | Agência Brasil

Os empresários saíram da reunião impactados com o desenvolvimento da agricultura e pecuária no estado. “Viajamos todos os anos e nunca vimos algo parecido com isso aqui”, disse um deles.

O empresário Marcos de Carvalho, da Ancar Shopping Center, destacou sobre comunicação e sustentabilidade no agronegócio. “Vejo que a comunicação é um desafio ainda para o setor produtivo, portanto sugiro ao grupo discutir e refletir sobre as formas de como contribuir e potencializar as ações do agronegócio, ampliando a compreensão pública sobre a sua capacidade em incorporar processos e práticas de sustentabilidade”, afirmou.

O superintendente do Senar-MT, Chico da Paulicéia, apresentou a entidade que tem a missão de promover o desenvolvimento profissional e social do trabalhador rural, por meio de ferramentas educacionais, como treinamentos e capacitações. No portifólio já conta com mais de 350 treinamentos.

Os dados econômicos e produtivos do agronegócio de Mato Grosso foram abordados pelo superintendente do Imea, Cleiton Gauer, e o diretor executivo do Instituto AgriHub, Otávio Celidonio, destacou os trabalhos desenvolvidos pelo instituto mais novo do sistema que tem o objetivo apresentar soluções para os problemas dos produtores rurais e de grandes empresas ligadas ao agronegócio brasileiro.

Leia Também:  Senar-MT prevê entrega de mais dois Núcleos Avançados de Capacitação

Startups – Na sequência, o grupo interagiu com a startup mato-grossense Creditares que busca a conexão dos produtores rurais com as mais variadas fontes de financiamento e crédito rural. Outras três startups, a TBDC – Agro Software (especializada em agricultura digital), M Tech4 (inovações tecnológicas para agroindústria) e a Lucro Real (com ferramenta para o produtor gerenciar seu dinheiro) também apresentaram soluções e responderam aos questionamentos dos empresários.

Também participaram os diretores Vilmondes Sebastião Tomain (Administrativo e Financeiro), José Luiz Fidelis (Relações Institucionais) e Marcos da Rosa (2° vice-presidente).

Fonte: Ascom Famato

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

AGRONEGÓCIO

Senar-MT prevê entrega de mais dois Núcleos Avançados de Capacitação

Publicados

em

Santa Cruz do Xingu e São Félix do Araguaia estão aguardando a inauguração de seus Núcleos Avançados de Capacitação (Nac). A previsão é que a entrega ocorra ainda em 2021. Outros dois municípios: Matupá e Apiacás estão com as estruturas em fase final de construção. As entregas das obras estão previstas para janeiro de 2022.

A última inauguração de Nac em Mato Grosso ocorreu neste mês de novembro em Tapurah. A cerimônia contou com a presença de lideranças do Sistema Famato, do setor agropecuário e autoridades locais.

O Presidente do Sistema Famato, Normando Corral destaca que tem um sentimento de alegria ao inaugurar os Nacs. Como produtor rural, ele conta que sabe da importância de ter um local adequado para a realização de cursos. “O papel do Senar-MT é absorver conhecimento e multiplicá-lo para os produtores rurais a fim de que possam utilizá-lo em seu trabalho no campo e também acompanhar o dinamismo do avanço tecnológico”.

O superintendente do Senar-MT Francisco Olavo Pugliesi de Castro, mais conhecido como Chico da Pauliceia, destaca que os Sindicatos Rurais junto com os produtores rurais precisam usar o Senar-MT para capacitar e qualificar pessoas. “Uma pessoa qualificada tem condições de tirar o máximo destas máquinas e equipamentos cada vez mais modernos que estão chegando ao mercado”.

Infraestrutura – A estrutura é composta por salas de aula, cozinha industrial equipada para receber qualquer tipo de treinamento de transformação e industrialização de alimentos, banheiros e ar condicionado. Mais do que isso, o Nac tem uma área externa adequada para receber máquinas e equipamentos para as aulas práticas dos cursos ofertados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) em parceria com os Sindicatos Rurais.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Senar/MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Rio de Janeiro recebe principal evento de base da vela nacional
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA