BRASIL

Funcionária da USP confessa que morte de aluno foi causada por negligência

Publicados

em


source
aluno
Reprodução Instagram

Filipe Leme foi encontrado morto na Poli-USP


Um ano depois da morte do aluno de geografia Filipe Varea Leme, de 21 anos, morto em um acidente de elevador na Poli (Escola Politécnica), uma funcionária da  USP admitiu negligência no caso. A supervisora do aluno irá prestar serviços comunitários por oito meses após assinar um acordo na Justiça assumindo envolvimento indireto na morte do jovem.


No dia da morte, Filipe trabalhava como monitor de informática na Poli quando foi orientado pela supervisora a deixar suas atividades para carregar um armário da sala para outro cômodo, como o auxílio de um amigo, embora a instituição tenha equipe de manutenção. 

Algumas horas depois naquele dia, o corpo de Filipe foi encontrado dentro de um elevador de deficientes com o pescoço esmagado pelo armário de livros, segundo laudo do Instituto de Criminalística.

Leia Também:  Universidade cearense doará pele tilápia para tratar feridos no Líbano

A promotora do caso, Amaitê Iara Giriboni de Mello, entendeu após analisar as provas e os depoimentos que a supervisora foi negligente, por isso foi condenada por homicídio culposo (sem intenção de matar). 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

BRASIL

Datena afirma que Copa América não será mais realizada no Brasil

Apresentador afirma que recebeu a notícia de uma fonte importante do governo

Publicados

em

O apresentador José Luiz Datena afirmou hoje que a Copa América não deve mais ser realizada no Brasil.

A notícia foi dada, na manhã deste domingo, na Rádio Bandeirantes. Enquanto o apresentador Milton Neves entrevistava o ex-zagueiro Neto, sobrevivente da tragédia envolvendo a Chapecoense em 2016, o colega pediu um espaço para confirmar a informação.

Apesar de pedir cautela, já que o cancelamento ainda não é oficial, ele afirmou que a notícia da não realização do torneio teria sido passada por fontes que já foram ligadas ao Governo Federal.

A informação do cancelamento, por sua vez, foi negada pela Conmebol. “A Copa América se joga no Brasil. O presidente Jair Bolsonaro participou de uma reunião ontem à noite e deu todo o apoio do governo brasileiro ao torneio”, afirmou em nota.

Vale lembrar que a disputa no Brasil foi confirmada após as desistências de Colômbia e Argentina. Porém, o torneio tem enfrentado oposição de atletas e especialistas da área sanitária. Boa parte dos jogadores defendem que a disputa deve ser cancelado ou adiado. A crise, aliás, pode ocasionar um pedido de demissão do técnico Tite, logo após a partida diante do Paraguai, pelas Eliminatórias da Copa.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  'Bin Laden' brasileiro é preso antes de explodir agência bancária
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA