728x90 (1)

Copa libertadores

Bragantino perde em casa para o Estudiantes e se complica na Libertadores

Massa Bruta é batido pelos argentinos em casa e corre risco de perder a segunda posição do Grupo C para o Nacional-URU

Publicados

em

O Red Bull Bragantino tropeçou em casa, nesta terça-feira, e se complicou na Libertadores. No Estádio Nabi Abi Chedid, o time perdeu por 1 a 0 para o Estudiantes, com golaço de Del Prete, e fica, agora, com a classificação para o mata-mata em situação delicada.

Com cinco pontos, o Massa Bruta está na segunda colocação do Grupo C, mas pode ser ultrapassado pelo Nacional-URU (4 pontos) ainda nesta quarta-feira, quando o time encara o lanterna Vélez Sarsfield, podendo ir a sete pontos. Caso o Vélez vença, os argentinos empatarão em pontos com o time brasileiro.

Do outro lado, o Estudiantes já tem a primeira colocação do grupo garantida, com 13 pontos. Assim, a decisão da segunda vaga da chave será definida na rodada final.

Na próxima terça-feira, às 19h15 (de Brasília), o Massa Bruta enfrenta a equipe uruguaia em confronto direto.

O Bragantino já disputou a sétima rodada do Campeonato Brasileiro de maneira adianta e, assim, só volta a campo justamente para enfrentar o Nacional.

O JOGO

A partida começou com o Estudiante mais presente no ataque, criando as melhores chances. Aos sete minutos, Manuel Castro levou perigo em chute cruzado, mas a bola passou perto da trave e saiu em tiro da meta.

Leia Também:  Botafogo perde, e cai no Brasileiro

Nos minutos seguintes, as chegadas se resumiram a chutes de longa distância, sem assustar os goleiros. Assim, o jogo ficou mais equilibrado entre as duas equipes. Em um chute de fora da área, no entanto, o Bragantino quase abriu o placar com Raul.

No fim da primeira etapa, os argentinos apertaram e Cleiton fez duas defesas para impedir o gol dos visitantes. Dessa forma, o jogo foi para o intervalo com o 0 a 0 no placar.

No segundo tempo começou movimentado, com chances para os dois lados. Helinho levou perigo logo no começo, mas os argentinos responderam com dois chutes de Díaz. O Bragantino recebeu com chegada de Ytalo, que passou perto do alvo e com Ramires, que acertou belo voleio e obrigou Andújar a fazer a defesa.

O jogo seguiu sem gols até os 31 minutos. Após cobrança de falta, Manuel Castro bateu cruzado, Léo Realpe desviou e Del Prete acertou lindo voleio para abrir o placar e colocar o Estudiantes na frente do placar.

O Bragantino se lançou ao ataque nos minutos finais, no entanto, não conseguiu o empate. Nos acréscimos, Orosco chegou a fazer mais um para os argentinos, mas o assistente assinalou o impedimento equivocadamente. Do outro lado, um pênalti em Artur foi motivo de reclamação do time da casa.

Leia Também:  Brasileiros conhecem primeiros rivais Libertadores Feminina

Nos minutos finais, Massa Bruta no ataque com tudo e até o goleiro Cleiton foi ao ataque. O placar, porém, não sofreu novas alterações. Dessa forma, o Bragantino tropeçou em casa e perdeu por 1 a 0 para o Estudiantes.

RED BULL BRAGANTINO 0 x 1 ESTUDIANTES

RED BULL BRAGANTINO

Cleiton; Hurtado (Aderlan), Realpe, Renan e Luan Cândido; Raul (Praxedes), Jadsom (Sorriso) e Eric Ramires; Helinho (Hurtado), Ytalo (Alerrandro) e Artur

Técnico: Maurício Barbieri

ESTUDIANTES

Andújar; Leonardo Godoy, Agustín Rogel, Fabián Noguera e Emmanuel Más; Jorge Rodríguez, Zuqui (Kociubinski), Manuel Castro (Toledo), Gustavo Del Prete (Orosco) e Pellegrini (Zapiola); Leandro Díaz (Boselli)

Técnico: Ricardo Zielinski

Data: 17 de maio de 2022, terça-feira

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em em Bragança Paulista (SP)

Árbitro: Juan Benitez (PAR)

Assistentes: José Cuevas (PAR) e Rodney Aquino (PAR)

Cartões amarelos: Ytalo, Sorriso e Cleiton (BGT) Más, Rodríguez, Zuqui, Del Prete e Leandro Díaz (EST)

GOL: Del Prete, aos 31min do 2ºT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Copa libertadores

Libertadores: Fortaleza joga bem, mas não passa de empate no Castelão

Agora, Tricolor terá que buscar vaga nas quartas jogando na Argentina

Publicados

em

O Fortaleza fez um bom jogo diante de sua apaixonada torcida no estádio do Castelão, mas não passou de um empate por 1 a 1 com o Estudiantes (Argentina), nesta quinta-feira, na partida de ida das oitavas de final da Copa Libertadores.

Com isso, tudo permanece aberto para o jogo de volta, que será disputado no estádio Jorge Luis Hirschi, em La Plata.

Mesmo jogando em casa, a equipe brasileira não teve facilidades nos primeiros minutos. O time comandado por Juan Vojvoda sofreu para segurar os argentinos na etapa inicial, e só começou a chegar com perigo a partir dos 30 minutos. E a oportunidade mais cristalina apareceu aos 45 minutos, quando o atacante Moisés recebeu na esquerda, girou em cima de um marcador, passou direto por outro e driblou o goleiro para bater para o gol, onde o zagueiro Zuqui salvou em cima da linha.

Na etapa final, o Tricolor do Pici começou animado, e chegou finalmente ao gol. Aos 10 minutos o zagueiro Marcelo Benevenuto lançou na esquerda para Juninho Capixaba, que avançou em velocidade antes de cruzar para Silvio Romero, que dominou já limpando a marcação e bateu para a bola desviar em Noguera e enganar o goleiro Andújar.

Leia Também:  Time brasileiro apenas cumprirá tabela nas últimas rodadas do torneio internacional

Mas a alegria do Fortaleza durou pouco, pois aos 17 minutos Más cruzou rasteiro para o meio da área, onde Leandro Díaz, que havia acabado de entrar, chutou com liberdade para empatar.

O Fortaleza ainda buscou muito o gol da vitória, mas o placar permaneceu inalterado até o apito final.

Fonte: Agência Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA