728x90 (1)

ESPORTES

Cuiabá anuncia demissão de Pintado após eliminação da Copa do Brasil

Treinador não resiste a queda nos pênaltis para o Atlético-GO na Arena Pantanal; auxiliar Luiz Fernando Iubel assume interinamente

Publicados

em

Pintado não é mais técnico do Cuiabá. A direção do Dourado comunicou no início da madrugada desta quinta-feira a demissão do treinador após a queda nos pênaltis para o Atlético-GO na Arena Pantanal e a consequente eliminação da Copa do Brasil. Utilizando as redes oficiais do clube, a diretoria informou que o auxiliar Luiz Fernando Iubel assume o comando interinamente.

– O Cuiabá informa que Pintado não é o mais técnico do time nesta temporada. O auxiliar-fixo da casa, Luiz Fernando Iubel, assume interinamente até a contratação de um novo profissional. Pintado chegou ao clube no começo de 2022 e conquistou o título do Campeonato Mato-grossense, além da classificação até a terceira fase da Copa do Brasil. O Dourado agradece ao treinador pelo período que comandou o time e deseja boa sorte no decorrer da carreira – diz o comunicado postado no Twitter do clube.

Leia Também:  Vela: Scheidt encerra primeiro dia do Portugal Grand Prix no top 10 | Agência Brasil

Contratado no início de fevereiro, Luiz Carlos de Oliveira Preto, o Pintado, ficou pouco mais de três meses à frente da equipe mato-grossense. Sob a orientação do treinador de 56 anos, o Dourado conquistou o Campeonato Estadual ao bater na final o União Rondoniense, vencendo os dois confrontos (3 a 2 e 4 a 0).

O Cuiabá ocupa a 11ª posição no Campeonato Brasileiro, com 7 pontos após cinco rodadas disputadas (duas vitórias, um empate e duas derrotas). O próximo compromisso pela competição nacional será domingo, quando visitará o São Paulo no Morumbi, já sob a orientação do interino Luiz Fernando Iubel.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasileirão

De virada, Cuiabá perde para o São Paulo com pênalti polêmico e soma 6 jogos sem vitória

Publicados

em

O Cuiabá perdeu para o São Paulo por 2 a 1 jogando no Morumbi na tarde deste domingo (15) pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro e aumentou a sequência de jogos sem vitória do auriverde: 6 partidas. O Dourado até saiu na frente do placar no primeiro tempo, com Jenison, mas levou a virada na segunda etapa e ficou na bronca com o juiz após a marcação de um pênalti a favor do São Paulo.

Essa é a terceira derrota do Cuiabá na competição, que caiu para a décima terceira colocação, com 7 pontos. Após uma semana conturbada, de eliminação na Copa do Brasil e demissão do treinador, o time comandado pelo interino Iubel foi até São Paulo e não conseguiu vencer os donos da casa.

O Tricolor paulista dominou as ações do jogo na etapa inicial. Porém, o Dourado que foi para o intervalo vencendo. Aos 36, o atacante Jenison só empurrou para o fundo das redes após aproveitar rebote do chute de Alesson.

Os números do primeiro tempo mostram o domínio do São Paulo. O time paulista teve 64% de posse de bola contra 36% do Cuiabá, além de 11 finalizações diante de duas do Dourado, e 8 escanteios a favor ante duas da equipe mato-grossense.

Leia Também:  FMF altera data de dois jogos da 5ª rodada do Campeonato Mato-grossense

Na volta do intervalo o São Paulo virou a partida aos 20 minutos com gol de Calleri, após um pênalti duvidoso marcado em disputa entre André Anderson e o zagueiro Marllon. O VAR manteve a decisão de campo.

Outra reclamação do Cuiabá com a arbitragem foi a expulsão do atacante Jonathan Cafu, que havia entrado no segundo tempo. Dessa vez, porém, o VAR acionou o árbitro para revisar o lance que resultou no cartão vermelho para Cafu. Com um a mais, o São Paulo virou aos 33 em chute de Nikão após desvio em Marcão.

O Cuiabá volta a campo na próxima quarta-feira (18) pela Copa Sul-Americana contra o River Plate-URU, às 18h15 (de MT), em Montevidéu. O Clube já está eliminado

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA