728x90 (1)

Copa libertadores

Flamengo vence Universidad Católica em casa e se classifica na Libertadores

Rubro-negro ganha bem no Maracanã, chega a 13 pontos e garante presença nas oitavas de final. Time chileno briga por Sul-Americana

Publicados

em

O Flamengo fez o dever de casa e venceu por 3 a 0 a Universidad Católica-CHI, nesta terça-feira, no Maracanã. Com o resultado, os rubro-negros chegaram a 13 pontos e garantiram classificação para as oitavas de final da Libertadores. Já os chilenos, com quatro, vão brigar por uma vaga na Sul-Americana.

O Flamengo foi superior no primeiro tempo e abriu vantagem após gols de Willian Arão e Éverton Ribeiro. Na etapa final, Pedro marcou o terceiro para os rubro-negros.

Na próxima rodada, o Flamengo recebe o Sporting Cristal, no Maracanã, na próxima terça-feira. No mesmo dia, a Universidad Católica recebe o Talleres-ARG, em Santiago.

O JOGO

O Flamengo começou nervoso, com Andreas Pereira e Matheuzinho recebendo cartões amarelos. Mesmo assim, os rubro-negros quase marcaram aos quatro minutos. Gabigol foi lançado, entrou na área, mas chutou em cima de Pérez. Só que três minutos depois, os donos da casa abriram o placar. Após cobrança de escanteio, Willian Arão cabeceou para a rede.

O revés fez a Universidad Católica ter que buscar o ataque. Os chilenos quase empataram aos 12 minutos. Fuenzalida aproveitou cruzamento e cabeceou com perigo. Depois de um período de jogo morno, o Flamengo voltou a criar boa chance aos 26. Andreas Pereira tabelou com Gabigol e chutou em cima de Pérez.

Leia Também:  United empata com lanterna West Brom e se distancia do lider City

O lance animou os flamenguistas. Tanto que os cariocas enfileiraram boas chances. De tanto insistir, os donos da casa ampliaram o placar aos 38 minutos. Bruno Henrique aproveitou cruzamento e escorou para Éverton Ribeiro cabecear para a rede.

Nos minutos finais, o Flamengo seguiu superior e quase marcou o terceiro com Gabigol. Só que o goleiro Pérez fez grande defesa. Antes do intervalo, Fuenzalida acertou a trave após indecisão da zaga com o goleiro Hugo.

O segundo tempo, a Universidad Católica buscou pressionar a saída de bola do Flamengo. Os chilenos tiveram mais posse de bola, mas pouco incomodaram o goleiro Hugo. Os cariocas passaram a aproveitar os espaços e quase marcou com Gabigol. aos 13 minutos.

Com o passar do tempo, os rubro-negros voltaram a ter o controle do jogo. No entanto, o Flamengo diminuiu o ritmo e criou pouco no ataque.

Somente aos 44 minutos, o Flamengo chegou ao terceiro gol. Pedro recebeu passe na área, passou pelo defensor e mandou para a rede para dar números finais no Maracanã.

FLAMENGO 3 x 0 UNIVERSIDAD CATÓLICA

Leia Também:  Cuiabá não renova com técnico Jorginho

FLAMENGO

Hugo, Matheuzinho (Rodinei), Rodrigo Caio, Pablo e Ayrton Lucas; Willian Arão, Andreas Pereira (João Gomes) e Arrascaeta (Victor Hugo); Everton Ribeiro, Gabigol (Pedro) e Bruno Henrique (Lázaro)

Técnico: Paulo Sousa

UNIVERSIDADE CATÓLICA

Sebastián Pérez, Tomás Astaburuaga, Nehuén Paz (Gonzalo Tapia) e Alfonso Parot; Astudillo (Rebolledo), Ignacio Saavedra, Felipe Gutiérrez e José Pedro Fuenzalida; Fernando Zampedri, Valencia e Cristián Cuevas

Técnico: Rodrigo Valenzuela (Interino)

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: Terça-feira, 17 de maio de 2022

Árbitro: Jhon Ospina (COL)

Assistentes: Dionisio Cruz (COL) e Richard Ortiz (COL)

Renda: R$ 2.493.062,50

Público: 40.007 pagantes

Cartões amarelos: Andreas Pereira, Willian Arão e Matheuzinho (Flamengo); Astudillo e Tapia (Universidad Católica)

GOLS: Willian Arão, aos 7, Éverton Ribeiro, aos 38min do 1ºT; Pedro, aos 44min do 2ºT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Copa libertadores

Libertadores: Fortaleza joga bem, mas não passa de empate no Castelão

Agora, Tricolor terá que buscar vaga nas quartas jogando na Argentina

Publicados

em

O Fortaleza fez um bom jogo diante de sua apaixonada torcida no estádio do Castelão, mas não passou de um empate por 1 a 1 com o Estudiantes (Argentina), nesta quinta-feira, na partida de ida das oitavas de final da Copa Libertadores.

Com isso, tudo permanece aberto para o jogo de volta, que será disputado no estádio Jorge Luis Hirschi, em La Plata.

Mesmo jogando em casa, a equipe brasileira não teve facilidades nos primeiros minutos. O time comandado por Juan Vojvoda sofreu para segurar os argentinos na etapa inicial, e só começou a chegar com perigo a partir dos 30 minutos. E a oportunidade mais cristalina apareceu aos 45 minutos, quando o atacante Moisés recebeu na esquerda, girou em cima de um marcador, passou direto por outro e driblou o goleiro para bater para o gol, onde o zagueiro Zuqui salvou em cima da linha.

Na etapa final, o Tricolor do Pici começou animado, e chegou finalmente ao gol. Aos 10 minutos o zagueiro Marcelo Benevenuto lançou na esquerda para Juninho Capixaba, que avançou em velocidade antes de cruzar para Silvio Romero, que dominou já limpando a marcação e bateu para a bola desviar em Noguera e enganar o goleiro Andújar.

Leia Também:  Brasileiros são destaques nos 100 m do GP Brasil Caixa de Atletismo | Agência Brasil

Mas a alegria do Fortaleza durou pouco, pois aos 17 minutos Más cruzou rasteiro para o meio da área, onde Leandro Díaz, que havia acabado de entrar, chutou com liberdade para empatar.

O Fortaleza ainda buscou muito o gol da vitória, mas o placar permaneceu inalterado até o apito final.

Fonte: Agência Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA