728x90 (1)

POLICIAL

PM é preso informando Comando Vermelho sobre operação de tráfico

Publicados

em

Polícia Militar de Confresa (1.160 km ao Noroeste de Cuiabá) foi preso após ser flagrado informando traficantes do Comando Vermelho, em tempo real, sobre uma operação que acontecia na cidade para reprimir o tráfico de drogas. Vanderlei Moreira Xavier, 34 anos, estava de plantão e atuando na ação.

O flagrante foi feito durante a prisão de um dos traficantes, confirmou o comandante da PM local, o tenente coronel Roosevelth Fabiano Oliveira Escolástico. Desde a última sexta-feira (12), os policiais realizavam ações para reprimir o tráfico de drogas na cidade.

Durante a abordagem de um dos suspeitos, ele jogou um celular no solo. Disse ainda que não era seu. Mas, o aparelho estava desbloqueado e quando os militares foram checar, flagraram uma conversa do suspeito com o policial militar, que integrava outra equipe da mesma operação.

Em entrevista à rádio Top FM, da região do Araguaia e Xingu, o comandante afirmou que a conversa estava ocorrendo em ‘tempo real’. “Ele estava relatando ao suspeito passo a passo do que estava sendo feito pelos policiais, os locais onde eles estavam”, ressaltou.

Leia Também:  Receptador de material furtado de outdoor é preso pela Polícia Civil

Para o comandante, o crime é ‘gravíssimo’ e ele nunca tinha se deparado com uma situação dessas. Diante dos fatos, foi comunicado à Polícia Civil, que realizou a prisão de Vanderlei em casa por crime militar.

Durante a diligência no local, Força Tática encontrou um revólver calibre 38 dentro do carro do suspeito e em cima do sofá, uma sacola com munição do mesmo calibre. Questionado, disse que a arma não tinha registro. Ele foi autuado pela Polícia Civil por posse irregular de arma de fogo.

Transferido

Conforme o TC Escolástico, soldado Xavier estava há pouco tempo lotado no batalhão de Confresa. “Ele é um recruta da última turma de formação da PM. Pediu transferência para Confresa alegando que tinha família no Pará e aqui ficaria mais próximo deles”.

De fato, o soldado é natural de Rio Maria, no Pará, que fica cerca de 8h de carro saindo de Confresa. “Foi feita uma investigação antes de a transferência ser confirmada e não tinha nada contra ele até o momento, sendo autorizada a vinda. Mas, agora o caso vai ser investigado”, disse.

Leia Também:  Senado aprova PL sobre prioridade de vacinação da covid-19 | Agência Brasil

Xavier está preso na cidade, mas ao que tudo indica, deve ser transferido para um presídio. O receio é de que os membros do Comando Vermelho, qual ele estava praticamente associado, possam atentar contra a vida dele e até mesmo dos policiais que realizaram sua prisão.

“Agora ele vai responder tanto pelo crime militar, quanto pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. A Polícia Militar não compactua com esse tipo de atitude”, finalizou.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

1º Comando Regional faz planejamento de reforço no policiamento da Capital

Para fortalecer a segurança durante compras e festas, a PM intensificará ações de abordagem de pessoas, rondas policiais, barreiras e checagens de veículos

Publicados

em

A Polícia Militar de Mato Grosso, por meio do 1º Comando Regional de Cuiabá (1º CR), realizou na manhã desta sexta-feira (03.12), uma reunião de trabalho com todos os comandantes de Batalhões da Capital para alinhar ações de reforço no policiamento ostensivo neste fim de ano. O encontro foi realizado na sede do 1º Batalhão.

Cerca de 300 policiais devem garantir o policiamento na região da Baixada Cuiabana. O comandante do 1º CR, coronel Esnaldo de Souza Moreira, explica que o encontro faz parte do planejamento operacional da ‘Operação Fim de Ano’, ação que será deflagrada pela Comando Geral da PM, no próximo dia 20, em todo o estado.

 “Com esse incremento na Capital, vamos intensificar o policiamento ostensivo na área central, nos bairros CPA, na região do 9º Batalhão (Parque Cuiabá, Tijucal), nas Avenidas Carmindo de Campos, Fernando Corrêa, Pedra 90, dentre outras regiões, que registram uma maior movimentação de pessoas nesta época do ano. Queremos que a população fique tranquila duras suas compras e celebrações. Esse planejamento operacional conta também com o policiamento especializado para reforçar ainda mais a presença da PM nas ruas”, destacou coronel Esnaldo.

Leia Também:  Receptador de material furtado de outdoor é preso pela Polícia Civil

Para fortalecer o policiamento e continuar mantendo reduzido os índices de criminalidade, a PM realizará ações de abordagem a pessoas, rondas policiais, barreiras, checagens de veículos que serão ainda mais  intensificadas. O comandante do 1º CR, coronel Esnaldo, destaca ainda a importância de a população acionar a Polícia Militar, seja via 190, ou disque- denúncia, pelo 0800–065 3939.

Fonte: Secom-MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA