728x90 (1)

POLICIAL

Politec conclui laudos que apontam como adolescente foi morta

Publicados

em

A Diretoria Metropolitana de Criminalística da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) entregou, na manhã desta terça-feira (11.08), os laudos periciais de local de crime e de balística referentes ao caso da morte da adolescente Isabele Guimarães Ramos, 14 anos, no dia 12 de julho, no condomínio de luxo Alphaville, no bairro Jardim Itália, em Cuiabá.

Os laudos foram entregues ao delegado Wagner Bassi, titular da Delegacia Especializada do Adolescente (DEA). Os resultados serão anexados ao inquérito policial (IP) que investiga as circunstâncias da morte de Isabele. O laudo pericial de necropsia da vítima foi concluído no dia 22 de julho.

Isabele foi atingida com um tiro na cabeça, supostamente acidental, feito por uma amiga, também de 14 anos. Como a adolescente investigada não foi apreendida, o delegado tem 30 dias, a contar da data do crime, para finalizar o procedimento administrativo. Porém, como ainda faltam trabalhos investigativos a serem realizados, Bassi deverá pedir mais tempo ao poder Judiciário.

Leia Também:  Suspeito de tirar dentes de homem antes de matá-lo se entrega após troca de tiros

A conduta do pai da adolescente investigada, o empresário Marcelo Martins Cestari, 46 anos, também está sendo apurada pela Polícia Civil.

Cestari é investigado pelo crime de porte ilegal de arma de fogo. No dia da morte de Isabele, policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) encontraram duas armas sem registro. Diante disso, ele foi preso em flagrante e liberado em seguida sob pagamento de fiança.

Porém, o delegado Jefferson Dias da 2º Delegacia de Cuiabá, indiciou o empresário pelos crimes de porte e posse de arma de fogo irregular, além de fornecer arma de fogo a menor de 18 anos.

Fonte: Hiper Notícias

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Força Tática prende homem com duas armas de fogo e R$ 9 mil em dinheiro

Suspeito confessou aos policiais que não possui autorização para ter armas de fogo

Publicados

em

Policiais militares da Força Tática prenderam um homem, de 57 anos, por porte ilegal de arma de fogo, na noite desta segunda-feira (17.01), na cidade de Poconé. A polícia apreendeu duas armas de fogo calibre .38, 12 munições do mesmo calibre e uma quantia de R$ 9.360,00 em dinheiro.

A equipe policial estava em rondas pelo bairro Santa Tereza, por volta de 20h50, quando foi abordada por um morador, que afirmou aos policiais que estava em um estabelecimento comercial e viu o proprietário do local com uma arma na cintura.

Com as informações passadas pelo denunciante, os policiais da Força Tática se deslocaram ao estabelecimento e encontraram o suspeito. Questionado sobre as armas, o homem confessou que possuía duas armas de fogo, que estariam escondidas no guarda roupa de sua casa.

No local, os policiais encontraram as armas e suas respectivas munições, além de uma quantia de R$ 9.360,00 em dinheiro. O suspeito foi perguntado se possuía documentos para porte das armas, o que foi negado pelo homem. Diante dos fatos, o suspeito e todo o material apreendido foram encaminhados para a Delegacia de Poconé para o registro da ocorrência.

Leia Também:  Polícia Civil conclui que vigilante participou de roubo ao Atacadão

Da Redação

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA