728x90 (1)

TECNOLOGIA

Cientistas desenvolvem o menor chip do mundo que pode ser injetado no corpo com agulha

O novo dispositivo é tão minúsculo que é comparado a um grão de sal e, no futuro, poderá ser usado para monitorar processos corporais por meio de ultrassom

Publicados

em

Engenheiros da Universidade de Columbia (EUA) desenvolveram o menor chip sem fio do mundo com finalidades médicas, um dispositivo do tamanho de um minúsculo grão de sal, que poderia no futuro ser introduzido no corpo humano com uma agulha hipodérmica para monitorar condições clínicas.

“Queríamos ver até onde poderíamos empurrar os limites para construir o menor chip funcional possível. É uma ideia nova de chip como sistema: um chip que, por si só, é um sistema eletrônico em pleno funcionamento”, disse o líder do estudo, Ken Shepard.

O novo chip ocupa um volume total inferior a 0,1 mm³. Como mostra a imagem abaixo, seu volume é tão pequeno que pode ser injetado facilmente com uma agulha. A equipe usou ultrassom para carregar dados e se comunicar com o dispositivo sem usar fios.

Os pesquisadores fizeram uma “antena” que é instalada diretamente no topo do chip, onde são capazes de carregar dados e até se comunicarem com ele. Tanto o carregamento quanto a comunicação ocorrem por meio de ultrassom.

Leia Também:  Sorteio define grupos da Copa do Mundo de Beach Soccer de 2021

“Isso é revolucionário para o desenvolvimento de dispositivos médicos implantáveis sem fio miniaturizado que podem detectar coisas diferentes, ser usados em aplicações clínicas e, em última análise, ser aprovados para uso humano”, afirmou o pesquisador Shepard.

O objetivo dos pesquisadores é desenvolver chips que possam ser injetados no corpo com uma agulha hipodérmica (que consegue alcançar os músculos) e, uma vez dentro do corpo, se comuniquem com o exterior por meio de ultrassom, fornecendo os dados que coleta localmente.

Os dispositivos atuais que foram criados medem a temperatura corporal, mas existem muitas outras possibilidades nas quais a equipe está trabalhando. O estudo foi publicado na revista Science Advances.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

TECNOLOGIA

Escola de Governo oferta curso online nas áreas de Direito Administrativo e Ambiental

Qualificação tem como público-alvo servidores públicos do Poder Executivo estadual que trabalham com licitações ou projetos

Publicados

em

A Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag-MT), por meio da Secretaria Adjunta da Escola de Governo, abriu inscrições para o curso “Cartilha Verde de Mato Grosso”, voltado para as áreas de Direito Administrativo e Ambiental. A qualificação será realizada na modalidade de Ensino a Distância (EaD). Ao todo, foram disponibilizadas 300 vagas.

O público-alvo desta ação são servidores públicos do Poder Executivo estadual que trabalham com licitações ou projetos, em especial aqueles que atuam no interior do Estado. A capacitação apresentará os parâmetros e as diretrizes da sustentabilidade para a construção e reforma de edificações da administração pública, nas áreas de conservação de energia elétrica e eficiência energética, bem como de aumento da eficiência do uso dos recursos hídricos.

Interessados têm até o dia 13 de fevereiro para se inscrever no curso que terá início na semana seguinte, dia 21, e carga horária de 25 horas. Inscreva-se AQUI.

Outras informações pelo telefone (65) 3613-3611.

(Supervisão de texto de Nayara Takahara)

Seplag-MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Média móvel de óbitos por covid-19 é a menor desde abril de 2020
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA